segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

2ª Divisão Distrital: 11ª Jornada: Salvadense 5 - 0 UDCB

O UDCB deslocou-se à Salvada no passado dia 10 de Fevereiro para disputar o jogo relativo à 11ª jornada. Num dia de algum sol e muito vento o UDCB não conseguiu contrariar a equipa da casa e acabou por perder por 5 - 0.
O UDCB alinhou de inicio com:

11 Inicial:
G: José Cruz
D: André Pontes, André Ramos (c), Mihai Gaal, João Pica
M: Dinis Ferro, Júlio Brissos, Sérgio Coelho, Luís Naia, Bernardo Xavier
A: Sérgio Reis

Suplentes:
Vasco Rosário, António Almeida, Francisco Rosa, Ismael Inocêncio, Luis Rodrigues, Daniel Raposo, 

Treinador: 
Rui Furtado

O jogo iniciou-se praticamente com o golo do Salvadense de livre directo. Poucos minutos depois lance de ataque sobre a direita da defensiva do UDCB com o cruzamento a sair e o jogador do Salvadense dentro da área desviou do alcance de José Cruz.
Perto do apito para o intervalo, o árbitro da partida assinalou grande penalidade a favor do Salvadense a castigar uma suposta mão de André Pontes. Lance algo duvidoso mas que o Salvadense acabou por conseguir marcar e aumentar a vantagem.
Nota para a lesão de Luis Naia que fez um entorse após uma bola dividida dentro da área do Salvadense.

Para a 2ª metade da partida, o jogo foi mais equilibrado pois o Salvadense já não se mostrou tão organizado e empenhado como na primeira parte. No entanto acabou por aumentar a vantagem por mais duas vezes através de novo penalty e já no período de descontos, Miguel Carvalho fez o hat-trick culminando uma excelente exibição.


No fim de semana que passou a Taça do Distrito tomou o lugar do Campeonato e por isso não houve jogos. O UDCB volta a jogar no próximo sábado, dia 24 deslocando-se à Amareleja.

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

2ª Divisão Distrital: 10ª Jornada: UDCB 0 - 4 GD Alvito

O UDCB recebeu e perdeu por 4 bolas a zero no Campo dos Unidos a equipa orientada por Luis Quaresma, o Alvito.
Um equipa constituída por jovens jogadores com formação e que demonstrou ter potencial num futuro próximo.
O UDCB alinhou de inicio com:

11 Inicial:G: José Cruz
D: Pedro Veiga, André Ramos (c), Mihai Gaal, João Pica
M: Dinis Ferro, Júlio Brissos, Sérgio Coelho, Francisco Rosa
A: Luís Rodrigues, Tiago Lopes

Suplentes:Vasco Rosário, António Almeida, Cláudio Ramos, Ismael Inocêncio

Treinador: Rui Furtado

Desde o inicio da partida que se percebeu que o Alvito vinha com um único objectivo: sair de nossa casa com a vitória. Os seus jogadores, sobretudo a nível do meio-campo, estavam melhor organizados e pressionantes o que fazia com que a nossa equipa não conseguisse criar uma jogada ofensiva com cabeça, tronco e membros. Mais, foi sendo "sufocada" com o desenrolar da partida e o golo acabou por aparecer naturalmente após cruzamento da esquerda com o avançado do Alvito a desviar para a baliza.

Ao intervalo o treinador Rui Furtado colocou Cláudio Ramos e Ismael Inocêncio para os lugares de Luís Rodrigues e Tiago Lopes mas a equipa não conseguiu encontrar-se na partida e apenas a espaços conseguia criar relativo perigo, sendo que apenas por duas vezes esteve perto de marcar mas o guardião adversário disse presente nesses momentos.
O Alvito acabou por consolidar o seu jogo e aumentar a vantagem na partida com lances ofensivos em tudo semelhantes ao que deu origem ao primeiro golo da partida.

Mihai Gaal, jogador do UDCB em disputa com "Di Marinho", autor do primeiro golo da partida.

Na próxima jornada o UDCB desloca-se até à Salvada para mais um jogo em que quererá regressar às vitórias.

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

2ª Divisão Distrital - 9º Jornada: UDCB 2 - 1 CD Beja

O UDCB recebeu e venceu o Desportivo de Beja no passado sábado em jogo a contar para a 9ª e última jornada da 1ª volta da 2ª Divisão Distrital da AF Beja. Numa tarde de sol de inverno assistiu-se a uma partida com bastante emoção e os nervos à flor da pele mas onde os homens que vestiram de amarelo e azul mereceram a vitória por completo.

11 Inicial:
G: José Cruz
D: Pedro Veiga, André Ramos (c), Mihai Gaal, João Pica
M: Dinis Ferro, Bernardo Magalhães, Luís Naia, Sérgio Coelho, Francisco Rosa
A: Luis Rodrigues

Suplentes:
Vasco Rosário, António Almeida, Cláudio Ramos, Daniel Raposo, Sérgio Sá

Treinador: Rui Furtado

O jogo iniciou-se de forma equilibrada e nos primeiros minutos as equipas tentavam encaixar-se e perceber o que poderiam fazer para levarem a melhor nesta partida. O CD Beja conseguiu superiorizar-se pois a pressão exercida pelo UDCB ao nível do meio-campo estava a ser pouco eficiente. Contudo, esse maior domínio por parte da equipa forasteira não foi traduzido em golos e por isso ao intervalo o jogo registava um empate a 0 bolas. Nota para um lance já a terminar a 1º parte onde o nosso avançado Luís Rodrigues sofre uma falta grosseira em cima da linha da grande área e teve de ser substituído pois tinha um hematona enorme na perna. Difícil perceber como o árbitro da partida deixou passar este lance em claro quando se viu e ouviu o embate.

Na 2ª parte o jogo estava mais equilibrado mas o CD Beja por 2 ou 3 ocasiões conseguiu, através de lances rápidos para as costas da defesa, marcar o primeiro golo da partida. O UDCB reagiu e empatou a partida após a marcação de grande penalidade por Dinis Ferro castigando uma falta sobre Cláudio Ramos. O árbitro assinalou e os homens do CD Beja protestaram a decisão: a famosa questão da intensidade do puxão.
O adversário começou a sentir-se inseguro e o UDCB procurava o golo da vitória que acabou por surgir novamente por Dinis Ferro. Uma jogada de entendimento e insistência pelo corredor direito do ataque Beringelense com o cruzamento a sair, o guarda-redes adversário não conseguiu sacudir com a bola a sobrar para o Dinis Ferro que introduz a bola na baliza fazendo o 2-1 final.
O CD Beja não conseguiu reagir e as emoções tomaram conta dos minutos finais do encontro sendo que o treinador do CD Beja acabou expulso.


Vitória difícil mas merecida dos nossos jogadores que têm tido uma época complicada mas que nunca viraram a cara à luta.

No próximo fim de semana o campeonato pára sendo que o futebol regressará a Beringel a 3 de Fevereiro frente ao GD Alvito.